Lectio Divina (Eclo 40,18-28): O que é valioso?


Hoje a leitura vem nos mostrar o que vale a pena em nossas vidas.

No primeiro versículo, podemos ver o valor do trabalho. Aquele que exerce seus trabalhos e evolui, tem o seu valor diante de empresas e, dessa forma, consegue serviços melhores. O trabalhador, em vez de procurar emprego feito louco, é procurado por empresas de renome. A questão do bastar-se a si próprio deve ser esse o sentido, de lutar pelas próprios conquista, em vez de se escorar nos outros e esperar que eles consigam para você.

O valor da mulher sem mácula é inestimável. O autor sagrado compara com uma cidade bem edificada em uma fundação fortificada, ou mesmo a filhos que firmam o nome de uma pessoa pelas gerações. Em tempos tão decadentes, poucos enxergam esse valor. Homens e mulheres se entregam muito jovens, deixando de viver a vontade de Deus para suas vidas.

Vinho e música são coisas boas que alegram o coração. O vinho, dizem os médicos, que é saudável para o coração tomar um gole por dia. A música nos ajuda a nos alegrar, e até mesmo a orar. Mas, acima dessas coisas, está o amor à sabedoria, pois esta nos leva a tomar as melhores decisões para as nossas vidas.

A flauta e a harpa tem um som harmonioso. De fato, é um som tão relaxante que pode até nos fazer dormir. No entanto, o valor de uma língua adestrada, suave, que diz palavras doces e firmes, que fala a verdade e aconselha os necessitados; o valor dela é muito maior. Nossa língua tem a capacidade do perdão e da discórdia e, por isso, uma pessoa que cuja a língua é mansa, é um tesouro em nossas vidas.

A graça e a beleza são atraentes ao olhar. Uma moça bonita pode atrair a um rapaz, ou um rapaz bonito pode atrair a uma moça. Mas os campos floridos, a montanha com neve no topo, florestas e mesmo o céu, são tão belos quanto. A criação de Deus tem um valor inestimável em nossas vidas, pois a vida só foi possível graças à criação, que muito antes de nós existirmos, já existia.

Um amigo pode ser uma boa ajuda no tempo oportuno, mas uma esposa é mais valiosa do que um amigo, pois ela é além de amiga, companheira de todos os momentos e dificuldades. O homem que encontrou uma mulher que combine com ele, ou vice versa; encontrou algo de grande valor em sua vida e deve lutar, com amor e caridade, para que a unidade do casal perdure.

Os irmãos podem ser um socorro na tribulação, no entanto a misericórdia é maior. Ela liberta o cativo no pecado de sua escravidão. A misericórdia é o auxílio dos necessitados, dos doentes, dos feridos; enquanto que a justiça é o julgo dos que não partilham, roubam do pobre, não cuidam dos doentes e ferem os outros. A misericórdia salva um coração arrependido, mas o obstinado no caminho das trevas perece.

Ouro e prata tem um valor no mercado, são bases sólidas e metais preciosos devido à sua utilidade em decorrência da sua menor quantidade em comparação a outros elementos. No entanto, eles não se comparam a um bom conselho. Este pode livrar uma pessoa de uma dívida, salvá-lo do fim de uma relação, ou mesmo de uma má decisão. Um bom conselho, se soubermos usá-lo, pode nos ajudar a tomar decisões sábias em nossas vidas. E os melhores vem dos nossos verdadeiros amigos, que não falam conosco com medo de perder a amizade, mas sim a realidade tal qual ela é.

As riquezas e energias elevam o coração, mas o temor do Senhor (respeito profundo a Deus e o seguimento de Suas leis) sobrepuja ambas. Riqueza pode abrir portas, ajudar-nos em muitas coisas. Ter muita energia pode ajudar a acelerar processos e ser promovido nos negócios. No entanto, se faltar o temor de Deus, nada disso vale, pois as riquezas se esvaziam e a energia se esgota.

Nada falta a quem exerce o temor do Senhor, pois é Ele quem providência todas as coisas em nossas vidas. Se o Senhor diz, torna-se real para nós. Alimento, casa, comida, roupa, tudo advêm da providencia do Senhor. Até mesmo a maldade, esta só existe por permissão de Deus, por nos ter dado o livre arbítrio.

Nada falta a quem teme ao Senhor, pois o temor de Deus é como um paraíso na terra, abençoado, e revestido de uma glória que supera toda glória. De fato, a obediência a Deus nos trará vitórias inestimáveis, além de glórias que nem sequer o conseguiríamos se fosse pelas nossas próprias mãos. Afinal, quem é maior do que o Senhor? Ele é tudo para nós. Nele se encontra toda graça, paz, justiça e amor.

Louvado seja o nome de Nosso Senhor Jesus Cristo, para sempre seja louvado.
0