Farinha do mesmo saco

Quem nunca já ouviu falar nessa expressão, não é verdade? Principalmente quando se aproxima a época das eleições.

Mas o que seria a farinha do mesmo saco? Não seriam pessoas com o mesmo ideal, o mesmo propósito, o mesmo gosto, literalmente?

Nisso me lembro da parábola do joio e do trigo (Mateus 13, 24-30). O grande lance não é dizer farinha do mesmo saco, mas dizer joio do mesmo saco, ou trigo do mesmo saco.

A humanidade não se limita a uma única farinhada, mas sim na nossa escolha de fazermos a coisa certa todos os dias. É verdade que as vezes encontramos sacos de trigo com algumas sementes de joio, mas como diz em apocalipse 3,15s "como és morno vou vomitar-te".

Será que vale a pena perder o trigo que somos por causa de algumas sementes de joio que foram plantadas pelo inimigo?

Não sei quanto a vocês, mas eu quero ser farinha do mesmo saco, ou melhor, trigo do mesmo saco! (Ou seria uma farinha de trigo? kkkk) Porque no fim seremos levados para o mesmo depósito, o celeiro de Deus.

Abraço galera!
Tamu junto!
4