Deixar para depois

Ontem minha mãe pediu pra guardar o papagaio, que sempre fica na área daqui de casa em cima de uma corrente, sendo que toda noite ele deve ser guardado. Contudo, fiquei no computador conversando com um amigo que fazia tempo que não falava, então fui deixando pra depois.

Logo meu irmão chegou assustando o pobre do animal com bolhas de sabão e depois o colocou pra dentro. Fiquei pensando: caramba, quantas coisas não fiz assim na minha vida? Quantas coisas nós não deixamos pra depois?

Creio que se eu tivesse saido do computador, iria deixar pra depois a conversa e iria guardar o papagaio. Então isso tem a ver com nossas escolhas, porque em tudo o que escolhemos tem suas perdas e seus ganhos, cabendo a nós, com o discernimento do Espírito Santo, escolher o que devemos deixar pra depois e o que devemos fazer agora.

Peçamos ao Pai do céu o dom de saber o que devemos deixar ou não para depois, e que o Espírito Dele nos encha de coragem, determinação e força para fazer tudo o que tiver de ser feito agora, amém.

Abraço!
Deus abençoe!
1