O valor de uma lesma


Em um vale pedregoso e cheio de flora, uma pequena lesma anda sozinha e deprimida. Ela havia sido abandonada por suas companheiras, não existia mais nenhum animal daquele recinto que a queria.
Chegando perto de uma cigarra, a lesma pergunta:
-Por que me abandonam?
-Porque ninguém se interessa em uma lesma sem utilidade; respondeu ela com indiferença.
Mais a frente, a lesma pergunta para uma formiga:
-Por que me abandonam?
-Você não trabalha em grupo, de nada serviria para nós; respondeu forçosamente a formiga, que empurrava um bolo de carne com dificuldade.
Logo depois, a lesma se depara com uma abelha e repete:
-Por que me abandonam?
-Você não pode voar, logo não pode ajudar na colmeia; respondeu-a numa revoada para longe.
A pobre lesma baixa a cabeça e começa a chorar, aflita. Depois ela olha para uma árvore e pergunta:
-Por que você também não me abandona?
A árvore, com sua grandiosa sabedoria secular, responde:
-Porque não podemos, você nos mantém vivas!
A lesma pergunta abismada:
-Como?
-Todo esse tempo que você gastou, andando de um lado a outro perguntando porque te abandonavam, você estava fertilizando o solo com o seu muco.
-Mas eu vivo destruindo as plantas, comendo tudo que vejo...
-Você destrói as plantas menores para fortalecer as maiores. Essa é a sua função na vida, sendo que você é a base desse nosso sistema. Não subestime sua importância, pequena.

Moral : As vezes só vemos o valor de alguém por fora, por isso acabamos desprezando os valores que vem de dentro.
0