Par perfeito

Alguém que me faça amar,
Que me faça sonhar a realidade vivida,
De um novo, belo e perfeito dia.

Alguém que eu possa olhar nos olhos,
dizer amém nas madrugadas oradas,
e correr pelas areias da vida logo pela manhã começada.

Alguém que me escute,
que escute os ecos vindos do universo,
cada vibração de molécula que toca nossos ouvidos.

Alguém que cante comigo,
mesmo que horrível,
as letras palavreadas de uma bela canção.

Alguém que abrace,
que goste de gostar,
de um sublime romance natural.

Alguém que ande de mãos dadas,
vendo comigo no simples o complexo da vida,
nas estradas labirintadas que juntos enfrentariamos...

E 'no breve espaço de beijar',
ela pensasse no meu pensamento,
enquanto eu pensasse no dela,
e assim saberia que
ela esta aqui comigo...

P.S.: Fiz inspirado, em parte, num poema de Carlos Drummond de Andrade, cujo o trecho reproduzo abaixo:
"O amor é grande e cabe nesta janela sobre o mar.
O mar é grande e cabe na cama e no colchão de amar.
O amor é grande e cabe no breve espaço de beijar."
0